O QUE
FAZEMOS

Sistemas

INOVAÇÃO E PROGRESSO

A BIOPROJ possui sistemas inovadores para o tratamento de esgoto sanitário e efluente industrial. Esses sistemas contêm a tecnologia Biobob®, tornando os sistemas robustos, compactos, eficientes e com uma operação simples.

AMPLIAÇÃO E ADEQUAÇÃO

A tecnologia Biobob® possibilita a adequação e ampliação da etapa biológica do tratamento de efluentes sem a necessidade de novas construções, podendo ser utilizada em reatores anaeróbios, aeróbios e anóxicos. Em reatores UASB existentes a tecnologia Biobob® possibilita até mesmo a duplicação da vazão do tratamento no mesmo volume reacional, diminuindo a formação de escuma. O sistema com a tecnologia Biobob® em reatores UASB é chamado de RANA-BIO e proporciona uma operação contínua, sem necessidade de retrolavagens, mantendo o tratamento sempre eficiente.

Lodos Ativados Convencional

RAE-BIO


Comparação esquemática da geração de lodo dos sistemas convencionais x sistemas BIOPROJ

IMPLANTAÇÃO

Para implantação de novas unidades, temos o Biorreator Combinado (BRC). Este combina os sistemas anaeróbio (RANA-BIO) ou anóxico (RANOX-BIO) com o tratamento aeróbio (RAE-BIO). Por possuírem a tecnologia de biomassa aderida (Biobob®), o efluente tratado se torna passível de reuso. O sistema BRC tem configuração modular e verticalizada, possibilitando ampliações futuras. Comparado com tecnologias convencionais, ocupa uma área até 3 vezes menor, além de gerar menos lodo e necessitar operação simplificada. Como o tratamento aeróbio está sobreposto ao tratamento anaeróbio ou anóxico, há a oxidação do gás sulfídrico, não gerando odores desagradáveis típicos de estações de tratamento de efluentes. Isso possibilita que o BRC seja alocado em áreas próximas à ocupação urbana. As principais vantagens do BRC são:

  • Alta capabilidade (desempenho e qualidade);
  • Alta simplicidade (operação volante);
  • Alta flexibilidade (sistema modular);
  • Alta robustez (choques de carga e ausência de odor);
  • Operação contínua (não necessita de retrolavagem);
  • Baixo custo de implantação (footprint);
  • Baixo custo de operação (lodo e energia).